Atualidade

Protesto dos enfermeiros põe sete hospitais em "situação caótica"

05 Jul. 2017

O protesto dos enfermeiros especialistas em saúde materna, que começou esta segunda-feira, está a causar "constrangimentos graves" em pelo menos setes hospitais, que não estão a garantir as dotações seguras às grávidas, de acordo com Bruno Reis, porta-voz do movimento EESMO (Enfermeiros Especialistas em Saúde Materna e Obstetrícia). O ministro da Saúde, que, entretanto, reuniu com o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), diz que o protesto não ameaça a assistência às grávidas.

Anuário

Anuário Enfermeiro 2021

PUB