Escola Superior de Saúde de Santa Maria promove vida ativa e saudável

sexta, 10 fevereiro 2017 11:17

A Escola Superior de Saúde de Santa Maria, no Porto, em articulação com o Hospital de Santa Maria, está a desenvolver um projeto para ensinar e ajudar a envelhecer de forma ativa e saudável. O projeto vintAGEING integra-se no programa de responsabilidade social da escola e inclui atividades de intervenção comunitária, investigação e formação.

De acordo com a organização, "os últimos relatórios da Administração Central do Sistema de Saúde, em Portugal, o perfil de utentes da rede tem evidenciado uma população envelhecida, maioritariamente feminina, com baixo nível de escolaridade, carenciada e com elevada incapacidade e dependência". Importa, por isso, "intervir de forma centrada na promoção da autonomia individual, como princípio geral, evitando-se a institucionalização e adotando-se medidas de prevenção com foco no envelhecimento ativo e saudável e na formação de cuidadores informais, por forma a criar-se uma rede de cuidados domiciliários articulados que permitam a continuidade residencial, o apoio técnico especializado e garantia de padrões de qualidade de vida satisfatórios".

Serão realizadas ações de prevenção, promoção e educação em saúde, desenvolvida uma linha de investigação sobre envelhecimento ativo e saudável, prestação de cuidados e impactos sociais e dada formação pessoal e técnica aos cidadãos necessitados, cuidadores e técnicos especializados. Além disso, o projeto pretende evoluir para a criação de um Centro de Desenvolvimento Social , um programa integrado de cuidados tipo PACE (Program of All-Inclusive Care for the Elderly) e, se possível, criação de uma unidade de residências sénior.

Para que se torne "uma referência no domínio do envelhecimento ativo e saudável" - o grande objetivo -, o projeto conta com parceiros como a Junta de Freguesia de Paranhos e União de Freguesias do Centro Histórico do Porto, a paróquia de Nossa Senhora da Conceição, a Farmácia Cortes Pinto, a Farmácia Herculano e a Farmácia Martino Sucr.

A iniciativa só será formalmente apresentada na próxima segunda-feira, dia 13 de fevereiro, pelas 15 horas, na Escola Superior de Saúde de Santa Maria, mas a escola já fez saber que "a primeira componente a avançar é o sub-projeto experimental vintAGEING 65+, destinado a cidadãos com mais de 65 anos e que inclui componentes de estimulação física, aconselhamento nutricional, medicamentoso e segurança e socialização com estudantes".